sexta-feira, 10 de junho de 2016

DROGA DESENVOLVIDA EM ISRAEL ELIMINA TUMOR QUE CAUSA O CÂNCER DE PRÓSTATA

Uma droga desenvolvida durante 25 anos em Israel destrói o tumor que se forma na próstata, causador do câncer de próstata, a segunda doença mais comum entre os homens. O medicamento atua sem comprometer o órgão e sem necessidade de cirurgia. Em testes realizados em todo o mundo, os resultados foram positivos. A reportagem é do Jornal da Record (site R7) exibida nessa primeira quinzena de Junho.
O câncer de próstata, segundo especialistas, raramente é diagnosticado antes dos 40 anos de idade. O risco de se ter a doença está intimamente ligado com a hereditariedade, conforme os estudos. Portanto, homens que o pai e irmão tenham tido a doença, estarão propensos a ter, conforme os especialistas. Es
tima-se que entre 2014 e 2015, 70 mil novos casos, num grupo de 100 mil homens, foram revelados.
Com relação ao tratamento e a cura, é regra básica n
a medicina, diagnosticar-se o  mal por antecedência. O câncer de próstata é uma doença silenciosa e difícil de se diagnosticar, por isso a recomendação do exame de toque retal a partir dos 45, 50 anos.

Porém, segundo os médicos, “os homens ainda correm do exame”. A diminuição do jato urinário, incontinência urinária entre outros, podem revelar sintomas do câncer, mas, a medicina ainda aconselha o exame de sangue, seguido do toque retal. Pois, os sintomas citados podem estar relacionados à hiperplasia prostática benigna, conforme afirmam os oncologistas.
Com base em reportagem exibida no Jornal da Record e divulgada no site R7 -

Nenhum comentário:

Postar um comentário