sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

O CARTEL DOS ÔNIBUS EM BARRA MANSA ESTÁ PARA ACABAR

Ponto de ônibus na Rua José Marcelino de Camargo, Centro de Barra Mansa
Há quase 50 anos três empresas monopolizam o transporte em Barra Mansa. O resultado é: passagem muito cara, ônibus precários, atrasos constantes e janelas enormes do período de menor movimento, além de outros problemas. Os passageiros dizem que a concorrência desleal. Para o alívio da população, a prefeitura lançou um Edital de Licitação para a escolhe de uma empresa ou consórcio que comandará o transporte público da cidade. 
A entrega dos documentos por qualquer empresa interessada será no próximo 3 de Março e, conforme disse em entrevista o prefeito de Barra Mansa, Jonas Marins, os interessados deverão entregar nesse dia três envelopes: um com a proposta técnica, outro com os valores da tarifa, e um terceiro com a documentação de habilitação. 
O valor máximo da tarifa será de R$ 3,10. Atualmente e preço único da passagem em toda a cidade é de R$ 3,00, uma tarifa que vale para quem vai tanto de bairros centrais da cidade, como Ano Bom, Bairro de Fátima ou Cotiara; ou como quem sai da Vista Alegre, Getúlio Vargas, Santa Clara ou Nove de Abril em direção ao centro do município.
A meta da Prefeitura com o Edital é de criar linhas interligadas, com a implantação de um bilhete único, que vai permitir aos usuários se direcionarem a vários pontos da cidade, num espaço de 1 hora, pagando uma única tarifa, até mesmo tomando outro ônibus. 
Um sistema parecido com o da capital Curitiba, em funcionamento há mais de 30 anos. Além disso, serão disponibilizadas linhas expressas, com paradas a cada um quilômetro, agilizando mais as viagens com trajetos específicos e ônibus com ar condicionado.
A ideia do novo sistema viário vem sendo planejada pela Prefeitura desde o ano passado. Em novembro, foi realizada no Ginásio do Ilha Clube uma audiência pública, onde foi dado conhecimento à população dos estudos iniciais do serviço de transporte público coletivo urbano, distrital e rural pretendido para o município, e onde também a comunidade deu sugestões.
A Comissão de Licitação de Barra Mansa busca a escolha de uma empresa, ou um consórcio que una mais de uma empresa, que vai operar por 20 anos o transporte coletivo na cidade. Com a assinatura, a ganhadora estará concordando com o todas as exigências do Edital, entre elas um preço bem abaixo dos R$ 3,10. 
Conforme o comentário do contador Luiz Alberto, o monopólio do transporte em Barra Mansa, que inclui as empresas Colitur, Comercial e São João Batista, divide a cidade em três partes; uma não pode invadir o espaço da outra, e nos deixa sem opção, formando na verdade um verdadeiro cartel. 
- Espero com essa medida da prefeitura, que nós barra-mansenses, em breve, tenhamos um ônibus melhor, com mais opções de viagem e, principalmente, a um preço mais justo, concluiu o contador.
Foto: Arquivo pessoal -

Nenhum comentário:

Postar um comentário