segunda-feira, 21 de abril de 2014

ÉTICA NO JORNALISMO IGUAL ZUMBIDO DO VOO DA MOSCA

O jornalismo para o escritor Gabriel García Márquez era tudo. Preocupado com seu destino ele se reuniu com dez jornalistas, há 14 anos, na elaboração de um projeto intitulado "Jornalismo Ideal". Para Gabo, como carinhosamente era chamado, antes da técnica vinha a ética, a única razão de ser da atividade jornalística.
Conforme reportagem de Observatório da Imprensa, Gabo falava sobre a ética numa metáfora simples e clara: "a ética não é uma condição ocasional, mas deve acompanhar sempre o jornalismo, como o zumbido acompanha o voo da mosca".
“O jornalismo deveria perseguir a realidade”, dizia apostando que sempre haveria leitores interessados em acompanhar uma história, desde que fosse contada com talento e neste sentido achava que jornalismo e a literatura tinham que se mesclar em algum ponto.
O projeto foi idealizado pelo escritor em 1997, em um tempo que a consolidação das tecnologias de informação e de comunicação viria revolucionar o modo como o ser humano se comunica e informa. O que realmente se observa, na visão de vários especialistas da Comunicação da atualidade.
Na ocasião, Gabo se juntou ao grupo para liderar o desenvolvimento de uma visão de futuro para o jornalismo.

Com base em artigo do site Observatório da Imprensa, intitulado "Um sonho de jornalismo-

Nenhum comentário:

Postar um comentário