quarta-feira, 25 de dezembro de 2013

EM MUITOS LUGARES A MSG DE NATAL FOI AO CONTRÁRIO

Há uma a cidade onde é tradição todos falarem ao contrário. É um negócio que passa de geração em geração.  Em 2010 teve até reportagem no Fantástico, na cidade de Sabino (SP), onde se fala ao contrário por silabas, o que já ocasionou até controvérsias de outras localidades que também usam dialeto diferente.
E descubro que a mania vem de tempos longínquos. No Uruguai, a prática também é disseminada no país.
A verdade é que em acopé de fim de ano deve ter muita gente por ai mandando essa: Xilef latan e Xilef 2014.
Deixo abaixo minha mensagem, escrita ao contrário, com palavras simples, que provoca menos confusão e a divulgo para os amigos das redes sociais.
 Eleuqa  oçarba!


O LATAN ARAP MIM É SANEPA MU LANIS, ADAN + Q. MU LANIS. MU LANIS ED ADIV, ZAP E ROMA. ATSEN ACOPÉ, A EDADINERES - OMOC AMU ROLF - É LARUTAN ME ADAC UM. A EDADEIRADILOS MEV E ACIF. ANEP Q., ARAP SATREC SAOSSEP, ROP SANEPA MU OTRUC ODOÍREP.SAM, É AMU ACOPÉ EMILBUS!MISSA...
ES É LAICREMOC UO OÃN; ACOPÉ ADARRE UO ATREC... 
OÃN ES EBRUTREP!
XILEF LATAN ! XILEF 2014!

Um comentário: