segunda-feira, 1 de abril de 2013

“FACE” VAI GANHAR NOVO VISUAL E MAIS AGILIDADE

Para atender cerca de 1 bilhão de usuários, o Facebook vai ficar mais ágil é com um novo visual a partir de mudanças no feed de notícias. A caixa de bate-papo pula da direita para a esquerda e as fotos e imagens têm agora mais espaço. A navegação, além de mais ágil, ficou mais agradável, segundo a reportagem da Folha. A reforma da página, que vai unificar o visual em tablets e smartphones, ainda está sendo testada. Quem quiser experimentar o novo feed precisa se cadastrar no site www.facebook.com/about/newsfeed . Porem, um detalhe: os usuários da versão em inglês têm prioridade.
Devido a isso, a nova configuração é vista por apenas 1% dos usuários. Falta a disponibilização de servidor especial.
Um recurso novo, que se destaca, é o aviso de novas histórias publicadas por amigos no alto da página, em botão que surge flutuante. Os compartimentos e as recomendações têm uma nova forma de visualização. Quando os amigos interagir, os avatares vão aparecer do lado esquerdo, bastando apenas passar o cursor por cima da foto do perfil, sem clicar, e o comentário é checado de forma rápida.
As configurações de privacidade são acessadas de forma mais fácil: basta clicar no cadeado ao lado do nome. A mudança,  todavia, é mais sutil na Linha do Tempo, onde a coluna da esquerda está mais larga e livra o usuário de ficar olhando para os dois lados para ver as atualizações.
Os posts mais importantes, agora, ganham uma estrelinha, ficando à esquerda as informações básicas de perfil, amigos, fotos e interesses. Conforme reportagem da revisa Veja, o novo modelo"estimula o vício na rede" e mantêm o usuário ainda  mais dependente da rede social. A reportagem traz a fala do designer do Facebook, Julie Zhio, que resume:
- Esse novo visual ajuda o usuário a manter o foco. O aviso de novas histórias postadas "por amigos", com um ícone parecido com o do Twitter, na parte de cima da tela, informa que há novos posts para visualizar."É a corrida para deixar a  maior rede social do planeta ainda mais forte", conclui a Veja.



Nenhum comentário:

Postar um comentário