sábado, 12 de novembro de 2011

AO CADÁVER O AGRADECIMENTO E O RESPEITO

Dentre todos os agradecimentos feitos no brilhante convite da 39ª turma, que tão sabiamente em sua “mensagem final” grafou: a nossa história acabou de começar. Uma frase que serve a todos os profissionais que neste momento estão pegando seu canudo, pegaram ou vão pegar, destaco o agradecimento ao cadáver desconhecido, um texto produzido em 1876 no século dezenove, mas que servirá de norte para muitas turmas de medicina e todas as profissões. 
Ao cadáver o agradecimento e o respeito.

ORAÇÃO AO CADÁVER DESCONHECIDO
"Ao curvar-te com a lâmina rija de teu bisturi sobre o cadáver desconhecido, lembra-te que este corpo nasceu do amor de duas almas; cresceu embalado pela fé e esperança daquela que em seu seio o agasalhou, sorriu e sonhou os mesmo sonhos das crianças e dos jovens. Por certo amou e foi amado e sentiu saudades dos outros que partiram, acalentou um amanhã feliz e agora jaz na fria lousa, sem que por ele tivesse derramado uma lágrima sequer, sem que tivesse uma só prece. Seu nome só Deus o sabe, mas o destino inexorável deu-lhe o poder e a grandeza de servir a humanidade que por ele passou indiferente”

Hoje, médicos. A colocação de grau será à noite. E cada um terá uma lembrança exclusiva da luta para chegar até o final. A formatura de mais uma turma de medicina em Valença fecha uma lacuna, entre tantas outra que virão. A partir de hoje e durante os próximos dois dias acontece a festa merecida. Depois a 39ª será apenas um número abstrato com uma história em seu bojo.
Será apena um n° assim como a indicação de um apartamento ou de um distrito policial; ou n° de uma passagem ou de prontuários diversos que virão. Cada um terá este n° na cabeça, mais do que seu número de chamada. E a chamada para buscar o canudo terá um sabor especial.
Parabéns aos formandos de oito estados: Tocantins, Bahia, Goiás, Minas Gerais, Espírito Santo, Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro.
A festa é de cada um, pois agora “O branco já não é tão importante, importa a clareza da alma, a pureza de espírito e a vontade de servir. Medicina é vida, é sacerdócio, é paz interior.
Parabéns pais, professores, diretores, equipe de apoio, parentes e amigos e todos os formandos da 39ª Turma da Faculdade de Medicina de Valença

Nenhum comentário:

Postar um comentário